Por dentro das notícias

Páginas

18 de mai de 2010

PESQUISA: EDUARDO ABRE VANTAGEM SOBRE JARBAS

                                                                           

Na primeira pesquisa de intenção de voto divulgada após o anúncio da pré-candidatura do senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) ao Governo do Estado, de autoria do Instituto Vox Populi, o governador Eduardo Campos (PSB) - candidato à reeleição - apareceu liderando a disputa nos dois cenários: o espontâneo e o estimulado (onde os nomes dos candidatos são apresentados em uma cédula). O estudo, encomendado pela Rede Band, foi divulgado ontem à noite. No levantamento estimulado, Eduardo registrou 57% das intenções de voto, contra 28% de Jarbas. Na pesquisa espontânea Campos também leva vantagem sobre o senador: 31% x 14%.





Na pesquisa estimulada, Edilson Silva (PSOL) e Kátia Telles (PSTU) marcaram 1%, cada. Mas o instituto cometeu um equívoco porque o pré-candidato do PSTU é Jair Pedro e não Kátia. O jornalista Sérgio Xavier (PV) apareceu com 0%. Dos eleitores entrevistados 4% disseram que votariam em branco ou nulo, enquanto 9% não souberam ou não quiseram responder.







A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco sob o número 19.921/2010, no dia 7 de maio, um dia depois que Jarbas anunciou que seria candidato. No Tribunal Superior Eleitoral, o estudo foi registrado no dia 10 de maio com o número 11306/2010. Mil pessoas foram entrevistadas. A margem de erro é de 3,1% para mais ou para menos, e o índice de confiabilidade é de 95%.







Presidente estadual do PSB e vice-prefeito do Recife, Milton Coelho encarou a pesquisa divulgada ontem com “otimismo” e “tranquilidade”. O dirigente comemorou o fato de, entre todos os estados pesquisados, Pernambuco ser o único onde a eleição terminaria no primeiro turno.







“Vamos continuar trabalhando para ampliar a margem em nosso favor”, destacou Coelho. Ele acredita no crescimento do governador, argumentando que, pelo número de indecisos ser pequeno, a quantidade de eleitores que podem migrar para o palanque jarbista é menor.







EXTRAOFICIAL







Em abril passado, a direção nacional do PT encomendou uma pesquisa ao mesmo Instituto Vox Populi, a qual utilizou para definir quem seria o candidato a senador pelo partido, em Pernambuco. Na amostra, também constou a disputa pelo Governo Estadual e, na divulgação extraoficial, Eduardo apareceu com 56% contra 29% de Jarbas. A pesquisa gerou polêmica no próprio partido, pois Humberto Costa obteve 48%, enquanto João Paulo, tido como favorito, ficou com 42% das intenções de voto para o Senado.







Anteontem, a Band divulgou levantamento do Vox Populi para a Presidência da República. Nele, a ex-ministra Dilma Rousseff (PT), pré-candidata apoiada pelo presidente Lula, e o ex-governador de São Paulo, José Serra (PSDB), apareceram empatados, de acordo com a margem de erro. A petista ficou com 38% e o tucano com 35%. Já a pré-candidata do PV, Marina Silva, teve 8%.


fonte: Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário